Galeria Melissa Londres

Shoes on display

Depois de ganhar fãs em Nova Iorque e em São Paulo com a abertura da Galeria Melissa, a marca expande sua atuação no mercado internacional com uma nova Concept Store, agora em Londres.  O projeto foi vencedor do iF DESIGN AWARD 2016 na disciplina de Arquitetura e Interiores.

O namoro entre a Melissa e a capital inglesa não é de hoje. A marca trabalha constantemente com ícones da moda local – Vivienne Westwood, Kate Moss, Cara Delevigne, Anna Trevelyan, Gareth Pugh, entre outros –, já que ambas usam a mesma linguagem de moda, que busca a cada instante, o novo, o inovador, sem perder a essência de seu DNA.

A Galeria Melissa Londres está localizada em um dos bairros mais charmosos da cidade, Covent Garden, área que nasceu de um imenso e colorido jardim murado no século XIII. O prédio escolhido para receber a flagship é o mais antigo da redondeza e possui uma alta carga histórica. Já abrigou em sua longa trajetória, uma mansão residencial da alta aristocracia londrina, um hotel e um clube de luxo. Ainda hoje, o local mantém características nostálgicas, um charme histórico que contrasta com brilho e o plástico da Melissa.

Com assinatura criativa de Muti Randolph, artista multimídia carioca, responsável pelo projeto da Galeria Melissa de São Paulo – a primeira da marca no mundo – a loja europeia da Melissa possui dois andares com quase 400 m2, que mixam design clean na parte interna com a arquitetura georgiana na parte interna – originais da época de sua criação.

Diferente da Galeria Melissa de São Paulo, que a cada nova coleção é revestida por uma manifestação artística diferente, a loja de Londres mantem a arquitetura georgiana da mesma época que foi construída. Luz, movimento e cor dão as boas vindas aos visitantes no vão de entrada, fazendo o mesmo papel da fachada brasileira, através de uma enorme tela de LED, idealizada por Randolph, que recebe interferências em formato de vídeo ou ainda pode ser transformada em um imenso espelho.            

Na primeira recepção, uma grande escultura cinética feita com vários boxes de acrílico movimenta-se em sintonia com a música ambiente, por meio de uma tecnologia inovadora, formando novos desenhos a cada programação.

O espaço principal é um confortável lounge destinado ao atendimento, que conta com um grande painel tecnológico de LED, que resulta em luzes, cores e movimento. Ainda nesse ambiente, displays irregulares servem de apoio para as Melissas, valorizando cada detalhe dos acessórios de plástico.

A antiga escada restaurada leva os visitantes à parte inferior da loja, onde encontram uma grande caixa branca, destinada a momentos especiais de moda, arte e cultura, como vernissages, lançamentos de livros e pequenas exposições – um verdadeiro apoio a todas as formas de expressão cultural. Contrapondo este cubo clean, uma escultura de luz, produzida exclusivamente por Muti para a Galeria de Londres, ilumina e enriquece o último ambiente.

Além de um grande projeto criativo, a Concept Store de Londres promete uma experiência única de compra e uma intensa imersão no universo Melissa.  Os principais produtos da coleção Nation – inspirada na riqueza multiétnica de diferentes povos ao redor do mundo – serão apresentados para convidados em uma megafesta de lançamento em Londres, ao som de uma impecável atração musical. Tudo isso é apenas o começo da invasão Melissa pelo mundo.

“A importância está no reconhecimento de um prêmio importantíssimo de design / arquitetura pela comunidade criativa global. Para a Grendene e seu grupo de designers, representa a motivação para continuarmos buscando algo novo somando na diversidade de projetos”, reflete Edson Matsuo, diretor de criação.

 

Mais de Centro Brasil Design

Single Lever Vougan

Os metais sanitários da linha VOUGAN, da Docol, foram premiados no iF...
Leia a publicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *