Empresas do Design Export vencem Prêmio Nacional de Inovação

Rodolpho Gutierrez, da Boulle, recebe a premiação do presidente do Sebrae, Carlos Melles

Duas empresas participantes da terceira edição do Design Export ganharam o Prêmio Nacional de Inovação 2018/2019, iniciativa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). A cerimônia aconteceu em 10 de junho, em São Paulo.

A Boulle, empresa da área moveleira que atua com madeira maciça, foi reconhecida em duas categorias na modalidade pequenos negócios. A categoria de Inovação de Produto foi conquistada graças à fabricação de peças com matéria-prima sustentável e ecologicamente correta, a exemplo de árvores caídas ou submersas. A Lareira LUG, primeiro produto da empresa a ser fabricado em série, foi a principal inovação. A peça portátil é fabricada com bloco maciço de madeira certificada e inox e aquece 20m² por duas horas, utilizando álcool líquido. Também vencedora na categoria Destaque Saúde e Segurança no Trabalho, a empresa que tem 30 colaboradores nunca registrou afastamentos por acidente ou doenças de trabalho. A mesma realiza treinamentos, campanhas de conscientização e padronização de processos em nome da segurança, saúde e ergonomia.

De acordo com o diretor e designer da Boulle, Rodolpho Gutierrez, receber a premiação é um reconhecimento à profissionalização da empresa, que é familiar. “Ganhar um prêmio como esse e concorrer com empresas sérias e organizadas é muito significativo. O mérito é de todos os colaboradores, de todos que acreditaram, porque o nosso trabalho envolve muitas mãos”, diz.

Já a Angelus, fabricante de produtos da área de saúde bucal, foi premiada pela sua gestão de inovação, conjunto de ações que contempla o portal Angelus para novas ideias, o programa Angelus de apoio à pesquisa para incentivo à participação de pesquisadores externos, a bonificação por resultados e os sistemas de gestão de projetos de inovação. A empresa comercializa seus produtos para 86 países e possui uma base de distribuição na Flórida, nos Estados Unidos e uma filial no Japão na cidade de Osaka.

Empresa Angelus recebendo a premiação

O Prêmio Nacional de Inovação é dividido em três modalidades, definidas por porte das empresas. Cada modalidade conta com as categorias Gestão da Inovação e Inovação, sendo que esta última tem quatro sub categorias: produto, processo, organizacional e marketing. Ao todo, foram reconhecidas 15 empresas de pequeno, médio e grande porte, de sete estados brasileiros. Os vencedores participarão de imersão internacional em ecossistema de inovação.

“Acreditamos que da mesma forma que a Boulle e a Angelus, as empresas brasileiras estão buscando oportunidades de se destacarem no cenário nacional e prospectando participação internacional. O design é uma ferramenta que auxilia esta busca”, comenta a diretora técnica do CBD, Ana Brum.

Realizado pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) em parceria com o Centro Brasil Design (CBD), o Design Export é um programa que atende empresas brasileiras que querem ganhar participação no mercado internacional por meio de produtos e embalagens com design. Os empresários recebem consultorias, capacitações e apoio técnico e financeiro para identificar a melhor oportunidade de inovação e os profissionais mais adequados às suas necessidades, por meio de um cadastro de escritórios de design. Os consultores orientam os empresários em todas as etapas do processo de desenvolvimento do novo produto ou embalagem, subsidiando-os com a informação e apoio necessários à gestão do processo e contribuindo para diminuir os riscos de lançamento da inovação no mercado. O programa já soma duas edições, com 300 empresas atendidas de 30 setores diferentes.

www.designexport.org.br

Mais de Jaqueline Tiepolo

CBD participa do júri do 3º Prêmio Carlitos de Design Universitário

No último dia 5, o CBD – representado pela diretora técnica Ana...
Leia Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *