Design Export cria 100 projetos voltados à exportação e apresenta resultados em evento

Ao longo de dois anos, o Design Export levou a inovação para 60 cidades de 7 diferentes estados brasileiros, auxiliando na criação de 100 projetos de produtos ou serviços inovadores voltados à exportação. Realizado pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e pelo Centro Brasil Design (CBD), o Design Export é um programa inédito que apoia empresas brasileiras no desenvolvimento de produtos inovadores e com design diferenciado voltados ao mercado internacional.

Com o objetivo de levar para a indústria nacional uma metodologia simples, didática e objetiva para que as empresas insiram a inovação como parte do processo de desenvolvimento de novos produtos, o programa apoiou 120 empresas brasileiras no uso do design. O programa funciona como uma ponte entre os empresários e os designers, estimulando o uso do design como ferramenta para a inovação. Os participantes recebem apoio para identificar os profissionais mais adequados às suas necessidades e têm acesso a recursos financeiros para a contratação do serviço de desenvolvimento do produto inovador.

Com o sucesso do programa em estados do Sul e Sudeste, em 2014 foi realizada uma ampliação com o objetivo de estender sua atuação até a região Nordeste. Uma parceria estratégica com o Centro Pernambucano de Design permitiu que os estados de Pernambuco, Alagoas e Paraíba fossem beneficiados com a metodologia “Design na Prática”, criada pelo CBD.  A diretora executiva do Centro Brasil Design, Letícia Castro, explica que a organização tem um histórico de resultados positivos aplicando uma metodologia própria em programas de estímulo ao design.  “O propósito maior do Design Export é seu caráter didático que permite a inserção do design na cultura organizacional das empresas brasileiras, garantindo uma indústria mais competitiva e preparada para o mercado internacional”, afirma.

Para atingir tal resultado, a iniciativa contou com apoio das associações setoriais vinculadas à Apex-Brasil, capacitou consultores para atuar em diversos estados brasileiros e realizou um cadastro de escritórios de design em nível nacional para a prestação dos serviços de design. Ao todo o programa conta com 133 escritórios de design cadastrados. Além disso, um total de 21 setores industriais foi contemplado pelo programa, permitindo que 62% das empresas participantes contratassem design pela primeira vez. Márcia Nejaim, gerente executiva de Competitividade e Inovação da Apex-Brasil, explica que a Agência trabalha para que as empresas brasileiras desenvolvam seus produtos e serviços por meio da agregação de valor e da incorporação do design e da inovação. “Para nós, essas são ferramentas essenciais para a diferenciação no mercado internacional”, afirma.

Os resultados do Design Export serão apresentados no evento Design para Novos Mercados, no dia 17 de março, em São Paulo, onde serão apresentados cases de sucesso que foram realizados através da iniciativa. As atividades acontecerão entre 11h e 15h, no Mube. O evento contará com falas do Centro Brasil Design e da Apex-Brasil. As vagas são limitadas.